MENU

02/12/2020 às 23h43min - Atualizada em 05/12/2020 às 16h23min

PREFEITURA DE MARICÁ ABRE DOIS NOVOS POLOS DE ATENDIMENTO

A novidade foi anunciada durante uma entrevista coletiva, concedida na manhã desta quinta-feira (03/12) pela Secretária de Saúde, Simone Costa, no salão do Esporte Clube Maricá.

by Editorial Maricá - SECOM Exclusiva
SECOM Secretaria de Comunicação
Photo: SECOM - Secretaria de Comunicação de Maricá - Anselmo Mourão

#Lançamento SAÚDE - Maricá vai passar a ter mais dois polos de atendimento no combate à Covid-19, a partir da próxima semana. Em Itaipuaçu, a tenda da Rua 8, próxima à sede distrital da Prefeitura, no Jardim Atlântico, será reaberta na quarta-feira (09/12) e, antes desta, outra tenda começará a funcionar na área externa da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Inoã, na segunda-feira (07). A novidade foi anunciada durante uma entrevista coletiva, concedida na manhã desta quinta-feira (03/12) pela Secretária de Saúde, Simone Costa, no salão do Esporte Clube Maricá.

Outro anúncio feito por ela foi a criação, já nos próximos dias, de um aplicativo de celular no qual pessoas que fizeram testagem na rede municipal para detectar o novo coronavírus poderão ter acesso aos resultados dos exames. Segundo a secretária, o programa está sendo desenvolvido pela Coordenadoria de Tecnologia da Informação da Prefeitura de Maricá.

Simone Costa disse ainda que não há pacientes aguardando transferência nas unidades da cidade que recebem casos de Covid (cuja ocupação atual é de 80%) e que a capacidade do Hospital Ernesto Che Guevara está sendo ampliada, com o aumento dos leitos de 50 para 70 e com a criação de um quarto Centro de Tratamento Intensivo (CTI) provisório. A secretária afirmou, no entanto, que o momento da pandemia é considerado crítico em razão do novo aumento na quantidade de casos registrados.

"Fala-se muito em uma segunda onda do vírus, a verdade é que a primeira onda ainda não terminou e está recrudescendo, voltando mais forte. Houve uma estabilidade, mas não uma parada no surgimento de outros casos, só que parte da população relaxou nos cuidados deixando, por exemplo, de lavar as mãos com sabão, ou não tomando seus banhos imediatamente quando retornam da rua. Esses cuidados agora devem ser redobrados para que essa curva seja de novo contida", alertou Simone, lembrando que não haverá novas restrições de circulação ou funcionamento do comércio, apenas aumentando a fiscalização sobre as que estão vigentes.

''No momento, não haverá reabertura da tenda de Ponta Negra, porém, em vista de um possível aumento dos casos no distrito, intensificaremos a atenção básica à saúde na região. Assim, poderemos identificar possíveis casos de Covid-19 ainda nos estágios iniciais e facilitar o tratamento dos contaminados'', afirma.

"Hoje nós sabemos mais sobre a Covid-19 e sua contaminação do que sabíamos no início da pandemia, o que não nos permite relaxar. É uma questão de se cuidar e também de quem está à sua volta incorporando as mudanças de hábito ao dia a dia de maneira efetiva", recomendou, antecipando ainda que existe um planejamento para a chegada de uma vacina contra o coronavírus nos próximos meses. "Nossa atenção básica já está se preparando para o momento da aplicação das doses. A ideia é realizar essa imunização de maneira organizada para evitar as aglomerações com uma possível correria aos postos. Os grupos prioritários serão os idosos e pessoas com comorbidades", finalizou.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco!
Atendimento do Grupo Editorial Maricá
No que podemos ajudar? Envie sua mensagem, dica de pauta, crítica, sugestão ou denúncia...