MENU

22/02/2021 às 19h21min - Atualizada em 22/02/2021 às 19h37min

AGÊNCIA INTERNACIONAL DE NOTÍCIAS ACOMPANHA A VACINAÇÃO DE IDOSOS EM MARICÁ

Na última sexta-feira (19/02) Maricá recebeu um novo lote de vacinas contra a Covid-19. Foram entregues 1.620 doses da chinesa Coronavac.

Grupo Editorial Maricá - Exclusiva
SECOM - Assessoria de Comunicação de Imprensa
Foto Anselmo Mourão | SECOM

A ação de imunização contra a Covid-19 em Maricá chamou a atenção da imprensa internacional. A agência americana de notícias Associated Press (AP), uma das maiores do mundo, voltou a Maricá nesta segunda-feira (22/02) para acompanhar a aplicação da primeira dose da vacina em idosos com idades entre 90 e 94 anos, pertencentes ao grupo prioritário, seguindo os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde (MS). A segunda dose será aplicada no próximo dia 15/03, 21 dias após a primeira.  

 

Os idosos receberam o imunizante em suas residências pelas equipes da Secretaria de Saúde, que se dividiram para cobrir toda a cidade. Uma delas partiu do Posto de Saúde Central e seguiu para o bairro de Guaratiba com a meta de vacinar 20 idosos e foi acompanhada pela equipe da AP, formada por um repórter, um cinegrafista e uma fotógrafa.

 

Somente no período da manhã, seis residências foram visitadas pelo time composto por uma técnica de enfermagem, técnica em vigilância em Saúde e Agentes Comunitários de Saúde (ACS). Antes de aplicar a vacina, os profissionais de saúde mostravam o líquido imunizante sendo retirado do frasco com a seringa, procedimento padrão adotado para evitar fraudes como as que ocorreram recentemente em algumas cidades. O procedimento foi filmado pelos profissionais da agência. 


O primeiro a receber a dose foi José Ângelo Viana, de 90 anos. Com os olhos marejados tomados pela emoção, disse estar ansioso por esse momento. "Esperava muito por isso desde que começou a vacinação e estou recebendo hoje. Depois da segunda dose, pretendo continuar com a minha rotina de ir ao Centro e ao banco", revelou o aposentado.  

 

Também emocionada, a filha Valéria Flores, de 64 anos, agradeceu por esse momento. "Isso aqui é um lugar de ouro. Ver meu pai sendo vacinado em casa e num dia chuvoso como esse. Não tenho palavras para agradecer por eu estar morando num lugar desses", afirmou.
 

  

Filha de Darila Tavares Thiago, de 92 anos, Beth Tavares Thiago, de 69 anos, falou para a equipe da Associated Press que acompanhava a vacinação sobre seu sentimento de alívio em ter sua mãe parcialmente imunizada. "Estava muito preocupada e agora eu fico mais segura. Vou esperar a segunda dose para, aos poucos, ir melhorando essa preocupação", revelou. "Era o que mais queria, pois já tinha ligado umas três vezes para a equipe de imunização da secretaria para vaciná-la logo. Ela não tem muita noção do perigo e constantemente tira a máscara. Minha mãe sendo vacinada é uma preocupação a menos", afirmou Beth à agência. 

 

A idosa Maria do Carmo, de 94 anos,  recebeu o imunizante e contou do que mais sente falta de fazer nesse período de isolamento. "Sinto falta de passear, de andar na calçada. Tenho ficado mais tempo dentro de casa. Agora eu fico mais aliviada", contou.  

 

A chegada da equipe de vacinação da Saúde trouxe alegria para a dona de casa Jussara Daltoe de Melo, de 64 anos, que não escondeu a felicidade em ver a sua mãe Maria das Dores Daltoe, de 93 anos, ser imunizada. "Estamos em isolamento há quase um ano e a vacina representa a cura e a certeza de que nossos cientistas e pesquisadores são todos capazes. É só emoção", declarou. 

 

Na última sexta-feira (19/02) Maricá recebeu um novo lote de vacinas contra a Covid-19. Foram entregues 1.620 doses da chinesa Coronavac. Destas, 370 para a sequência de imunização, e 1.250 destinadas à aplicação da segunda dose para quem já recebeu a mesma vacina (o quantitativo foi o mesmo enviado antes). O lote foi trazido sob escolta da Polícia Militar do Centro de Distribuição da Secretaria Estadual de Saúde, em Niterói, até o Posto Central.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco!
Atendimento do Grupo Editorial Maricá
No que podemos ajudar? Envie sua mensagem, dica de pauta, crítica, sugestão ou denúncia...