MENU

03/03/2021 às 19h55min - Atualizada em 03/03/2021 às 20h55min

PREFEITURA HOMENAGEIA COM MONUMENTO PROFISSIONAIS DA SAÚDE E VÍTIMAS DA COVID-19

A Prefeitura de Maricá, através das Secretarias de Cultura e de Saúde, vai inaugurar, até o fim do mês de março, em frente ao Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara, um monumento em homenagem às vítimas da Covid-19 na cidade.

Editorial Maricá Exclusiva
SECOM - Assessoria de Comunicação de Imprensa

Um símbolo de esperança. A estrutura terá símbolos em destaque, como a árvore da vida e a pomba branca, representando o Espírito Santo.
 

"O nosso principal objetivo com a obra é apontar a esperança. Fazer um monumento desse é se colocar à disposição para a vida, para a responsabilidade social, para uma sociedade mais humanista de respeito às pessoas e à família das vítimas. O monumento representa um encontro entre a natureza e a vida", explicou o secretário de Cultura, Sady Bianchin.
 

Para a secretaria de Saúde Simone Costa , o monumento representa a vida. "O monumento não é uma alusão à morte, mas, sim, uma ação de esperança pela vida, já que muitas equipes estão lutando para salvar pessoas. Infelizmente, algumas não conseguiram sobreviver, mas essa expectativa sempre será superada pelos esforços empregados e pelas vidas que conseguiram vencer o vírus. Esse marco nos traz a lembrança do início da pandemia e do quanto fomos e somos resilientes e cheios de fé", comenta a secretária de Saúde Simone Costa.
 

O cenógrafo e escultor Fábio Alexandre de Souza foi o artista escolhido para materializar a esperança dos cidadãos de Maricá.  Ele explicou como está sendo o processo de estruturação da peça. "Desde o começo do projeto, o meu principal desafio foi unir sentimento da batalha dos trabalhadores da linha de frente com a busca pela paz e pela cura, então eu juntei várias simbologias na mesma peça procurando valorizar os profissionais da saúde e as vítimas que se foram, mas que sempre serão lembrados", concluiu.


Reflexão do dia: Bons votos...

Se o estado da mente é bom, os relacionamentos serão bons. Nós deveríamos permanecer simples. Uma pessoa simples não mistura as coisas de forma a complicar tudo. Ela não sabe como criar conflito. Nossa linguagem deveria ser doce e simples para dar conforto aos outros. Não devemos dizer o que os outros devem fazer, mas podemos ter bons votos para que eles façam a coisa certa. Bons votos geram bons frutos. Tudo fica bonito internamente. O desejo de se tornar bom capacita você a ter o direito de experimentar o amor de Deus. *** Dadi Manoharindra by Editorial Maricá


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco!
Atendimento do Grupo Editorial Maricá
No que podemos ajudar? Envie sua mensagem, dica de pauta, crítica, sugestão ou denúncia...