MENU

19/05/2021 às 13h22min - Atualizada em 19/05/2021 às 20h35min

PREFEITURA DE TANGUÁ VAI RESTAURAR MAIS DE MIL CARTEIRAS ESCOLARES EM PARCERIA COM CASA DE RECUPERAÇÃO

A prefeitura de Tanguá, através da secretaria municipal de Educação (Seme), vai recuperar mais de mil carteiras escolares. Isso será possível porque o município, com apoio de empresários, vai oferecer cursos de marcenaria, carpintaria e pintura predial aos residentes da casa de recuperação Abraçando Vidas, do bairro de Duques.

Grupo Editorial Maricá - Exclusiva
Assessoria de Imprensa - Tanguá
A prefeitura de Tanguá, através da secretaria municipal de Educação (Seme), vai recuperar mais de mil carteiras escolares. Isso será possível porque o município, com apoio de empresários, vai oferecer cursos de marcenaria, carpintaria e pintura predial aos residentes da casa de recuperação Abraçando Vidas, do bairro de Duques. A contrapartida é que o material utilizado nas aulas práticas seja o mobiliário escolar, que precisaria ser restaurado pelo município.

Satisfeito com a iniciativa, o prefeito de Tanguá, Rodrigo Medeiros, lembrou que no início da gestão as unidades escolares foram encontradas em estado de abandono e com problemas estruturais.

"Parabenizo a nossa equipe por essa importante parceria que, ao mesmo tempo em que contribui para recuperação do patrimônio público, empodera o dependente químico, dando-lhe a oportunidade de aprender mais uma profissão. Além disso, estamos em ritmo acelerado de recuperação das nossas unidades e adequando-as aos protocolos de saúde", disse Rodrigo.

Em visita à casa de recuperação, o secretário municipal de Educação, Esporte e Lazer, Luciano Lucio, agradeceu aos empresários locais que, segundo ele, são os mesmos que estão financiando a estrutura do espaço cultural Lona na Lua.

"A casa de recuperação é uma instituição séria e com o compromisso de realmente mudar vidas. Essa é uma oportunidade de ajudá-los, não só com a educação básica, mas com a qualificação para que eles possam ser reintegrados na sociedade após o tratamento, com uma profissão", destacou o secretário.
 
Ainda segundo Luciano Lucio, todo o curso será acompanhado e homologado pela Escola de Qualificação Profissional Padre Claúdio Bourgois, gerida pelo município (EQP).


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco!
Atendimento do Grupo Editorial Maricá
No que podemos ajudar? Envie sua mensagem, dica de pauta, crítica, sugestão ou denúncia...