MENU

20/05/2021 às 15h38min - Atualizada em 20/05/2021 às 19h43min

LANÇAMENTO DA PLATAFORMA ONLINE DO CENTRO DE REFERÊNCIA EM POLÍTICAS INCLUSIVAS VAI OFERECER CURSOS GRATUITOS

A Secretaria de Políticas Inclusivas de Maricá vai disponibilizar cursos online gratuitos na área de inclusão social através da sua nova plataforma digital.

Grupo Editorial Maricá - Exclusiva
SECOM - Assessoria de Imprensa - Maricá
Libras será um dos cursos oferecidos - Foto: Clarildo Menezes
A Secretaria de Políticas Inclusivas de Maricá vai disponibilizar cursos online gratuitos na área de inclusão social através da sua nova plataforma digital. Os cursos serão ministrados pelo recém-aberto Centro de Referência em Políticas Inclusivas (CRPI), oferecem certificado de conclusão e podem ser acessados pelo site www.maricapoliticasinclusivas.com.br, bastando que o interessado se cadastre no banco de dados da página. 
A quantidade de cursos é extensa e inclui a Língua Brasileira de Sinais (Libras), linguagem em braile e também na área de empreendedorismo para pessoas com deficiência, além de oficinas de arte, música e uma biblioteca. A oferta é inteiramente aberta ao público em geral de todas as idades.

Após o cadastro finalizado, a pessoa interessada passará por uma avaliação interna e, caso haja alguma informação incompatível, um representante entrará em contato solicitando as demais informações. Após o período de análises  e validações cadastrais, os usuários terão acesso ao acervo de capacitações e oficinas. Inicialmente, todos os cursos serão virtuais. Quando se iniciarem os presenciais, uma van adaptada estará disponível de forma gratuita para locomoção dos alunos que necessitarem.

Na definição da secretária Sheila Pinto, a missão do CRPI será zelar para que a cidadania das pessoas com deficiência seja exercida dentro do que garante a Constituição do país. "É sempre preciso lembrar que qualquer um de nós pode se tornar uma pessoa com deficiência em algum momento, seja de forma permanente em razão de um acidente ou de maneira temporária, por uma perna quebrada, por exemplo. Vamos ter um olhar que observa os detalhes, como a necessidade de balcões adaptados de atendimento ou acesso ao comércio em geral. Queremos dialogar com os setores público e privado", ressaltou Sheila.

A subgerente do CRPI, Aline Lima, revelou que haverá ainda cursos voltados para o atendimento ao público. "Nossos servidores municipais também estão convidados a participar e se qualificarem para atender melhor a quem nos procura", disse ela, ao lado da gerente Bárbara Arêas.

"O objetivo, tanto do centro de referência quanto da secretaria no geral, é promover a acessibilidade plena em nossa cidade, porque a acessibilidade precisa ser plena, seja no trabalho ou no lazer. Se algum lugar não dispõe de acessibilidade total, aquele lugar é que é deficiente", concluiu Bárbara.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco!
Atendimento do Grupo Editorial Maricá
No que podemos ajudar? Envie sua mensagem, dica de pauta, crítica, sugestão ou denúncia...